Jovens da AD - Apodi participam da II Conferência Municipal de Políticas Públicas de Juventude






A Prefeitura Municipal de Apodi via Secretaria de Esporte, Juventude e Lazer realizará amanhã, dia 20, a segunda Conferência Municipal de Políticas Públicas de Juventude. O evento começará a partir das 8h na Casa de Cultura Popular Walter de Brito Guerra.

Os jovens da AD - Apodi faz parte do Movimento Juventude Assembleiana que evangeliza a cidade e trabalha com o Projeto Cadetes a Jatos. e durante a Conferencia serão trocadas experiencias que iram fortalecer os direitos da Juventude apodiense.

O evento contará com a presença do Subsecretário Estadual de Juventude Rafael Mota. Várias entidades que compostas e dirigidas por jovens do município deverão participar do importante momento de discussão e valorização do pensamento da juventude local.

PRESBÍTERO LAETE, IRMÃOS E AMIGOS PROMOVEM CAFÉ DA MANHÃ EM CELEBRAÇÃO AO ANIVERSÁRIO DO PASTOR JAIME MARIANO











Nesta manhã, 14/09/2011 as 5:oo horas, O pastor da assembléia de Deus, Jaime Mariano, foi surpreendido na sua casa por um grupo de amigos liderado pelo presbítero Laete Oliveira, que prepararam um farto café da manhã alusivo a passagem do seu aniversário, os amigos fizeram mensagem de admiração e respeito ao aniversariante, que por sua vez fez mensagem de agradecimento e se disse muito satisfeito com a surpresa preparada pelos amigos, agradeceu os presentes e a presença de todos.
O pastor Jaime Mariano vem se consolidando um grande líder dentro da agremiação da assembléia de Deus em Apodi, é um lider carismático, liberal e mantenedor da palavra de Deus.
NOTA: Parabéns pastor Jaime, que as bençãos de Deus permaneça sobre te cada dia mais.

AD DE APODI PARTICIPA DE DIA DE LAZER COM O PROVEM DE APODI EM TIBAU







O dia de ontem, domingo, 11, foi pra lá de especial para cerca de duzentos jovens apodienses que tiveram a oportunidade de passar um dia de lazer nas praias Tibau, praia do Ceará e das Emanuelas. O passeio contemplou beneficiários do programa PROJOVEM e o grupo de jovens da igreja Assembléia de Deus.

A viagem de turismo e lazer foi realizada em parceria entre o Secretário Municipal de Desenvolvimento e Assistência Social Laete Oliveira e o pastor da referida igreja Jaime Mariano. A Prefeitura Municipal de Apodi está sempre desenvolvendo e apoiando iniciativas em prol do bem estar comum e em especial atividades sócio-educativas para os jovens.

ASCOM -PMA

AD em Apodi participa do 7 de Setembro


Além da participação dos membros da AD em Apodi no & de Setembro através das instituições de ensino da cidade, a AD em Apodi se fez representada pela juventude e o Grupo de Cadetes a Jatos. Os Cadetes a Jatos foi criado para fortalecer os vínculos religioso, familiares e comunitário dos jovens e adolescentes, ressaltando a importancia da vida cristã de acordo com os ensinamento de Cristo. Alem de preparar os jovens a se comportar de forma exemplar ajudando a Igreja a cumprir sua missão social, participando de campanhas educativas e assistenciais; visitando e acompanhando novos membros no grupo. Os cadetes a Jatos e a Juventude Assembleiana em Apodi tem um contigente aproximadamente de 160 jovens empenhados na evangelização dos jovens de Apodi.

7 Coisas que não podem faltar em um casamento



No terceiro dia houve um casamento em Caná da Galiléia. A mãe de Jesus estava ali; Jesus e seus discípulos também haviam sido convidados para o casamento. João 2. 1 e 2(mas leia até o verso 11)
Este post é baseado em uma pregação do pr. Erly*, da ADEB – Taguatinga Sul, a igreja que congrego, num culto de domingo. A pregação original possuía o título de “5 Elementos que não podem faltar em um casamento“. Eu falei para ele que iria pegar o gancho e fazer a minha interpretação e adaptação de sua palavra. A mudança de título e [um pouco] de conteúdo se justifica pelo enfoque ligeiramente diferente, bem como do propósito de escrever em um blog.

Meu sincero desejo é que você goste desta mensagem e que ela possa ser útil e edificante.

1. Homem e Mulher: opostos que se completam


Um casamento para acontecer precisa da matéria-prima principal: um homem e uma mulher. Embora o senso politicamente correto e a pressão social estejam empurrando goela abaixo da sociedade uma união antinatural que a Palavra de Deus condena, os princípios bíblicos permanecem imutáveis há milhares de anos: macho e fêmea os fez, e é disso que é feito um casal.

E esse casal heterogêneo possui peculiaridades e distinções que tornam essa união algo quase sobrenatural, tanto que essa relação é um reflexo da união entre Cristo e a Igreja. Essa diferença abissal entre o Divino e o humano não se reproduz na relação homem x mulher, mas serve de ilustração para demonstrar que o casal deve trabalhar suas diferenças de modo que elas se completem. Ao completar-se, essa união se aproxima do ideal divino, ou seja, a felicidade conjugal.

#Dica: a diferença não significa necessariamente frustração, mas, se corretamente explorada e trabalhada, pode ser uma importante fonte de alegria e satisfação para o casal.

2. Laços familiares saudáveis


Essa é uma das coisas mais difíceis de acontecer nas velhas conhecidasCNTP (risos). As famílias de hoje possuem muitas diferenças, e essas podem vir a se transformar facilmente em desavenças, causando feridas que demoram a cicatrizar. Mas, no casamento registrado no Evangelho de João, vemos que havia um ingrediente familiar muito importante entre Jesus e sua mãe: respeito e consideração.

Em nossa cultura, a frase de Jesus: “Mulher, que tenho eu contigo?” pode até parecer desrespeitosa, mas isso não reflete o contexto histórico-geográfico da frase, pelo contrário. Havia sim um sentimento de mútuo respeito entre mãe e Filho, e que deve pautar nossos relacionamentos atuais. 

Todavia, infelizmente, há muitos casais que não podem afirmar que o relacionamento entre seu cônjuge e seus pais reflete uma verdadeira harmonia. E essa falta de harmonia familiar, querendo ou não, compromete a estabilidade emocional do casal. Um relacionamento familiar saudável é algo muito importante no casamento, não só para desfrutar nos momentos de bonança como para buscar abrigo nas horas difíceis.

#Dica: quando depender de você, procure sempre cultivar um bom relacionamento com seus sogros e estimular um bom relacionamento de seu cônjuge e seus pais. 

Digo por experiência própria: no dia do meu casamento, meu pai foi até minha noiva e, olhando em seus olhos, disse: “eu te recebo como filha” (ela me contou, emocionada), e deu um beijo na testa dela. Minha sogra também me chama de “filhão“, e me trata como se fosse mesmo. Invista nisso, amado(a), e digo sem reservas: vale a pena.

3. Pureza e Santidade


A água, tanto no Antigo como no Novo Testamentos tinha a representação, entre outras coisas, de purificação, lavagem, etc. e até hoje também é assim. Quem já passou por falta d’água em casa sabe como é difícil e mais constrangedor do que falta de energia. É muito comum referir-se à água como um elemento necessário à purificação humana, tanto físico como ritual. O batismo mesmo representa isso, a Palavra é tida como “água purificadora”, Jesus disse que de seu interior fluiriam “rios de água viva (corrente)”. E o que isso tem a ver com o casamento? Tudo.

A pureza é algo bem valorizado na Bíblia, e isso se aplica literalmente ao casamento em uma passagem aos Hebreus. Portanto, santidade é uma exigência no casamento, é algo que não pode faltar em um lar cristão. Assim como a água foi a precursora do milagre, também na vida real a santidade é aquilo que prepara o ambiente para a intervenção de Deus na vida do casal. Um filme excelente – assim como o livro que lhe deu origem – que retrata exatamente isso é “Prova de Fogo”. Para não contar o final do filme e estragar a surpresa, não vou entrar em detalhes, mas adianto que a santidade teve um papel crucial no desfecho.

#Dica: cultive uma vida de santidade no casamento, e você experimentará muitas e ricas bênção de Deus em sua vida e, se acontecer algum período de escassez, você verá o milagre acontecer em seu lar.

4. Apoio nos Momentos de Escassez


Quando o vinho acabou e Jesus foi acionado, ainda havia uma coisa que a capacidade humana era apta a realizar sem a ajuda divina: encher as talhas de água. Os empregados da casa, em prontidão, logo se dedicaram à árdua tarefa de deslocar aquelas centenas de litros de água até as talhas vazias. Como cada talha cabia de 80 a 120 litros, a capacidade total era de, aproximadamente, 600 litros. Como sou oriundo da zona rural do sertão nordestino, muitas vezes vi familiares indo buscar água em cacimbas, poços e açudes distantes.

Quando era próximo, iam buscar em latas de 20 litros que eram dispostas por um cabo transversal, e carregadas às costas. Quando adolescente, descobri que ainda não possuía força e ímpeto suficiente para realizar tal proeza. Mas, quando era necessário buscar água doce para beber em açudes mais distantes, geralmente se utilizavam do famoso “expresso-beiçudo” ou “jeringonça“, que era um jegue (ou jerico) adaptado para esse fim: com cangalha e barris. Cada barril podia transportar até 25-30 litros, e a capacidade de carga do animal era de quatro barris ou uns 100 litros, mais ou menos. Encher aquelas talhas em Caná não foi nada fácil, concorda?

Hoje, às vezes, precisamos estar cientes de que para o milagre vir à tona é necessário fazer aquilo que está ao nosso alcance, mesmo que isso nos custe derramar lágrimas e suor no desenvolver da atividade exigida. Mas, saiba de uma coisa: nos momentos de escassez e dificuldade, Deus vai levantar pessoas para estarem ao seu lado e ajudá-lo a superar esses obstáculos. Se você tem amigos verdadeiros, você tem apoio nos momentos decisivos. E, no casamento, amigos de verdade fazem a diferença.

#Dica: procure cultivar boas amizades, possuir amigos com qualidade ao invés de quantidade. Como já disse alguém: é na bonança que você conhece amigos em quantidade, mas é na tormenta que você conhece os amigos de qualidade. Tenha amigos, mas amigos de verdade.

5. Alegria, Satisfação e prazer


Esta é uma coisa que muita gente vai virar a cara e torcer o nariz, enquanto outros vão suspirar. Quem não tem e é ranzinza, desdenha. Quem não tem, mas é honesto, suspira. O vinho, biblicamente falando, era uma representação metafórica disso: alegria, satisfação e prazer. Por que é necessário haver esses ingredientes em um casamento? Boa pergunta. #follow_me

alegria é um importante elemento que deve estar presente na vida a dois, e também é celebrado na Bíblia como algo indispensável (Neemias diz que a alegria do Senhor é nossa força) ou mesmo obrigatório (Paulo exorta: alegrai-vos)! Essas mesmas palhaçadas que faço no blog tento reproduzir na vida real, no trabalho, em casa, na igreja… Ok, confesso, no mundo virtual tenho mais sucesso do que no mundo real! Como diriam: como comediante, sou um excelente blogueiro (risos).

#Dica: faça piadas, se ninguém rir da piada, vão rir de você, mas o importante é que vão rir de qualquer jeito, não é mesmo? !

Satisfação é outra coisa importante em um relacionamento. A satisfação de conquistarem algo juntos, de irem a um determinado lugar pela primeira vez, de ser surpreendido com algum presente inesperado, de um beijo na cama antes do cônjuge sair para o trabalho. Satisfazer o(a) amado(a) vai muito além do prazer sexual (já já falaremos disso… risos), e é um componente imprescindível da felicidade conjugal. E, às vezes, nem custa muito, como lavar a louça para ela ou chegar com aquele sorvete que ela adora. Isso se não estiver de dieta, claro. Mas, se sim, compra diet… #diet_forever

prazer, ah o prazer… motivo de tabu para muitos e sorrisos amarelos para tantos outros. Mas, casamento tem que ter prazer? Bem, se no casamento não houver prazer, vai ter prazer onde? Exatamente: fora dele. Se você quer que seu casamento dure e seja sólido, desfrute de prazer dentro dele. 

Sabe, no mercado atual do prazer existe uma abundância desbundada efrutificada – literalmente falando – de opções de prazer rápido e sem compromisso, de um prazer que pode até satisfazer o corpo, mas que não sacia a alma. Deus projetou o ser humano para se sentir satisfeito no casamento e quem é feliz no casamento, como eu, pode afirmar, sem medo, que é uma felicidade incomparável e muitíssimo melhor do que a que o mundo oferece!

Você quer ser feliz na cama? Fácil: durma em um colchão de molas, você acorda novinho no outro dia! (risos)

#Dica: procure fazer seu cônjuge satisfeito sexualmente que você, naturalmente, também encontrará a satisfação sexual no seu relacionamento conjugal.

6. Aprendizado e Crescimento Mútuo


Um relacionamento a dois é a união de duas pessoas diferentes, oriundas de famílias e criações diferentes, com pensamentos, gostos e idéias diferentes. A chance dessa união dar certo não é das melhores, se não houver amor, é claro. O amor será a liga que cimentará essas partes distintas e transformará dois indivíduos em um só corpo. Todavia, mesmo a presença do amor precisa de outros ingredientes para trazer sucesso à relação, e o senso de aprendizado, representado pelos discípulos presentes na festa, é um deles.

O casal deve ter em mente que, para superar os previsíveis conflitos que surgirão por conta das diferenças entre ambos, precisarão programar-se mentalmente para, enquanto se conhecem mais a fundo, aprenderem um com o outro. Eles devem estar prontos para:

aprender a gostar de coisas que o outro gosta: por ser nordestino, eu adoro FCC (feijão com coisas: linguiça calabresa, cebola e várias coisas semelhantes). Para minha esposa, isso era um martírio, mas como eu gostava, ela fazia. Resultado? Hoje ela também gosta de FCC (risos);

aprender a desgostar de coisas que o outro desgosta: eu gostava de ficar no MSN teclando bobagens com amigos virtuais e mesmo parentes. Ela o-di-a-va, ainda mais se era “amiga” virtual… Bom, eu não tinha muito o que fazer, fui cedendo, cedendo e, hoje, nem uso mais, parei de gostar mesmo. Mas, vamos combinar né: deixar de usar MSN não é prejuízo… #prontofalei
 
#Dica: use os problemas e dificuldades para crescerem juntos. Uma das coisas que mais afetam o casamento é a derrota de um dos cônjuges, que optou por trilhar sozinho um caminho que desembocou em tragédia. Todavia, quando ambos abraçam a causa, além de tornar o fardo mais fácil de suportar, quando eles vencem juntos, isso sedimenta e solidifica ainda mais o relacionamento.

7. Graça que Transforma


Finalmente, existe um elemento que, sozinho, faz toda a diferença. Não adianta ter todas as outras coisas se faltar o agente transformador, aquele que muda situações. Jesus era assim: não havia um lugar onde ele chegasse que não chamasse a atenção para si, mesmo sem ter esse objetivo. Quando acabou o vinho e sua mãe ficou sabendo, foi logo contar a Jesus. E você, quando tem um problema, demora ou se apressa a contar ao Mestre galileu?

Bom, até onde sei Ele era carpinteiro e não vinhateiro, então por que ela tomou essa decisão? Sinceramente, não sei. Mas, que Ele resolveu, resolveu. Isso é que mostra a verdadeira natureza do Messias encarnado: seu poder transformador. Nunca havia pensado nisso, mas quando João escreve que Jesus, lá no capítulo 15, chama a si mesmo de Videira Verdadeira, será que o apóstolo se lembrou do primeiro milagre do Senhor, que produziu vinho para salvar um casamento?

Em um casamento, como disse logo acima, não pode faltar alegria, sob pena de isso ser motivo de naufrágio do relacionamento a dois. Então, eis que chega o Senhor da Vida e da Vide e muda a situação, transformando algo insípido, inodoro e incolor em algo totalmente novo e saboroso. Isso pode acontecer ainda hoje? Sim, pode.

Eu me lembro de uma anedota que corria fácil entre os crentes, em que um cético confrontava um crente sobre os milagres bíblicos, e mencionou exatamente esse da transformação da água em vinho. Ele disse: “eu não acredito que Jesus transformou água em vinho“, ao que replicou o irmão: “ah, você duvida que Jesus transformou água em vinho? Pois lá em casa Ele fez milagre muito maior: transformou cerveja em geladeira, uísque em carro, cachaça em móveis e até um pinguço como eu em um servo de Deus“! Quer milagre maior do que esse?

#Dica: se seu casamento estiver sem graça, insosso e sem cor, convide Jesus para estar presente nele que você vai ver essa situação mudar de figura e acontecer um verdadeiro milagre. Você vai ver, maravilhado, as coisas mudarem da água pro vinho… risos

Detalhes que fazem diferença


* Jesus foi convidado, não era um penetra intrometido

Há muitos casamentos sem a presença ilustre de Jesus, que estão naufragando no mar da vida, sem contar com o doce sabor do fruto da vide. Se esse é o seu caso, convide Jesus para estar presente em seu casamento, conte pra Ele o que foi que acabou, aquilo que está fazendo falta. Depois, faça tudo aquilo que Ele mandar, mesmo que você não entenda. E confie. Ele sabe fazer milagre, sabe mudar situações etransformar derrota em vitória. Creia.

* A água (santidade) se transforma em vinho (alegria)

Se seu casamento não tem santidade, saiba que, ao invés de alegria, você está preparando o terreno para conhecer tristeza, amargura e decepção. Talvez em seu casamento não haja alegria, por algum motivo que eu desconheço, mas se tiver santidade (água), Ele pode transformar a pureza em alegria e contentamento. Seja puro e santo em seu relacionamento, que você vai ver as coisas mudarem de figura, literalmente.

* Jesus tem o melhor para o seu relacionamento, mesmo que a alegria tenha se acabado

Pode ser que você tenha desistido ou se conformado com um casamento que não satisfaz, mas se Jesus estiver presente, a última palavra ainda não foi dada e sua história ainda não teve um fim. Jesus pode transformar o ponto final em vírgula, um final triste em começo de uma nova história. Uma nova vida pode estar esperando por você, se o Senhor entrar em seu lar e fizer parte de seu casamento. É possível vivenciar hoje um milagre no casamento, mesmo tendo acabado a esperança? E você conhece outro ambiente melhor para acontecer milagre do que no deserto? Jesus tem, sim, o melhor para seu casamento.

Soli Deo gloria.

* O pr. Erly é advogado, teólogo e filósofo, sendo também professor na Faculdade de Teologia da ADEB. E, além disso, é meu amigo (risos).

O blog está Desafinando agora, mas logo, logo vai afinar o discurso eDesafiar Limites.

P.s. não esqueça de avaliar o post: pode ser em Gostei, nas estrelas ou mesmo compartilhando o link no seu twitterfacebookorkut, etc. E pode comentar também, claro… risos

www.ubeblogs.net

O número de católicos continua caindo no Brasil


O número de católicos continua caindo no Brasil, país que tem mais fiéis desta religião no mundo, e onde a porcentagem da população que se declara desta doutrina caiu de 73,79% em 2003 para 68,43% em 2009, segundo um estudo divulgado nesta terça-feira (23).

Apesar de o catolicismo ainda ser a religião majoritária no país, a porcentagem medida em 2009 foi a menor desde 1872, quando uma pesquisa similar mostrou que 99,72% da população brasileira era católica, segundo o estudo "Mapa das Religiões no Brasil", divulgado nesta terça-feira pela Fundação Getúlio Vargas.

A redução do número de católicos no Brasil se acentuou nos últimos 30 anos, enquanto 88,96% dos brasileiros se declarou católico em 1980, essa porcentagem caiu para 83,34% em 1991 e para 73,89% em 2000.

Evolução do catolicismo

187219801991200120032009
99,72%88,96%83,34%73,89%73,79%68,43%
  • Porcentagem da população brasileira
Segundo a Fundação Getúlio Vargas, que baseou seu estudo em enquetes com cerca de 200 mil pessoas, a fuga foi maior entre os jovens entre 15 e 19 anos, quando 67,5% se declararam católicos em 2009, contra 75,2% em 2003 (perda de 7,7 pontos percentuais).

Precisamente no Estado do Rio de Janeiro, segundo o estudo, a porcentagem de católicos caiu para menos da metade da população (49,83%) e as pessoas que se declaram sem religião subiu para 15,95%.

Segundo a FGV, a redução da porcentagem de católicos no Brasil coincidiu com o aumento da porcentagem de brasileiros que se declaram ateus, que subiu de 5,13% em 2003 até 6,72% em 2009.

Até o ano 2000, a redução dos católicos no país era atribuída diretamente ao crescimento dos grupos evangélicos, mas estes não registraram um crescimento de fiéis nos últimos seis anos tão elevado como o que registravam anteriormente.

Ainda de acordo com o estudo, a porcentagem de brasileiros que diz ser fiel às igrejas evangélicas tradicionais e aos novos grupos evangélicos subiu de 17,88% em 2003 até 20,23% em 2009.

Os seguidores do espiritismo se mantiveram praticamente estáveis (de 1,5% em 2003 para 1,75% em 2009), assim como os praticantes das religiões afro-brasileiras (de 0,23% para 0,35%) e das Igrejas Orientais ou asiáticas (de 0,30% para 0,31%).

FONTE: Uol.noticias.com.br

Pastor Jaime Mariano Participa do dia dos pais com festa nesta sexta no centro do idoso com a prefeita Goreti






Mostrando uma atenção especial aos idosos a Prefeitura Municipal de Apodi via Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social realizou na tarde/noite de ontem, sexta-feira, dia 26, a comemoração do dia dos pais. O evento aconteceu no final do mês, por causa do calendário de comemorações de vários programas e secretarias municipais. A prefeita Goreti Pinto distribuiu cerca de 200 brindes para os idosos.

O evento aconteceu na sede social do Centro do Idoso. Secretários municipais o vereador Nilson Fernandes e o Pastor Jaime Mariano da AD - Apodi, prestigiaram a festa. A prefeita Goreti Pinto acompanhou todo o evento “Os nossos idosos estão mostrando uma ótima forma física e, principalmente, um espírito jovem, cheios de vida, isso é o mais importante. Essa festa é para celebrar a vida e a alegria de ser pai”, disse.

ASCOM - PMA

Presbitero Marcilio da AD Apodi acompanha a Prefeita Goreti em Encontro do Selo Unicef






A prefeita de Apodi Maria Goreti Silveira Pinto participou Encontro Estadual do Selo UNICEF “Meu Município me faz Crescer” na capital do estado, Natal. Além da prefeita participaram também a Secretária de Saúde Ítala Sena, Secretário de Educação Izauro Camilo de Oliveira e o  Subsecretário de Desenvolvimento e Assistência Social e articulador do selo no município de Apodi Marcílio Reginaldo.

O evento aconteceu durante os dias de 25 e 26 deste na capital do estado Natal. E contou com a participação da coordenadora UNICEF nos estados do Ceará, Rio Grande do Norte e Piauí Ana Márcia Diógenes Paiva Lima. A reunião foi uma sequência do plano municipal de ação, elaborado durante o 1º Fórum do Selo UNICEF, realizado em Apodi no ano de 2010.

ASCOM - PMA

Presbitero Marcilio da AD Apodi acompanha a Prefeita Goreti em Encontro do Selo Unicef



Prefeita Goreti participa de Encontro Estadual do Selo UNICEF





A prefeita de Apodi Maria Goreti Silveira Pinto participou Encontro Estadual do Selo UNICEF “Meu Município me faz Crescer” na capital do estado, Natal. Além da prefeita participaram também a Secretária de Saúde Ítala Sena, Secretário de Educação Izauro Camilo de Oliveira e o  Subsecretário de Desenvolvimento e Assistência Social e articulador do selo no município de Apodi Marcílio Reginaldo.

O evento aconteceu durante os dias de 25 e 26 deste na capital do estado Natal. E contou com a participação da coordenadora UNICEF nos estados do Ceará, Rio Grande do Norte e Piauí Ana Márcia Diógenes Paiva Lima. A reunião foi uma sequência do plano municipal de ação, elaborado durante o 1º Fórum do Selo UNICEF, realizado em Apodi no ano de 2010.

ASCOM - PMA

Harpa Cristã

Menu

Inicio ............................................................. Eventos Semanais ............................................................. Nossa Historia ............................................................. Nosso Pastor ............................................................. Palavra Pastoral ............................................................. Diretoria ............................................................ Departamentos ............................................................ Galeria de Pastores ........................................................... Estatuto ............................................................ Congregações ............................................................ Louvores Inesqueciveis ...........................................................